Terremoto na Bolívia assusta avenida Paulista e outros centros do Brasil

 Extra!
Terremoto na Bolívia assusta avenida Paulista e outros centros do Brasil
abril 02
17:08 2018

Prédios da avenida Paulista foram desocupados na manhã de hoje, por volta das 11h. Além de São Paulo, tremores foram registrados no Distrito Federal, em Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Na Paulista, andares mais altos de cinco prédios comerciais sentiram com maior intensidade os tremores, no quarteirão entre as alamedas Joaquim Eugênio de Lima e Campinas.

Não foi tão suave porque o prédio da Petrobrás, por exemplo, teve o alarme de incêndio acionado. Isso causou aquele pavor. Corpo de Bombeiros e Defesa Civil distribuíam-se nos prédios para conduzir a retirada das pessoas.

O primeiro procedimento é bloquear elevadores e com saída de emergência pelas escadarias. Após a calmaria, a principal avenida do Brasil retoma o expediente normal.

 

Na Bolívia

O Brasil sentiu o golpe que fez tremer a Bolívia, sismo de 6,8 graus na escala Richter e a 557,2km de profundidade. O que impressiona os sismólogos é esse terremoto ter reflexos no Brasil. A escala do tremor na Bolívia enquadra-se no nível intermediário, sendo que a partir de 7 graus é que os tremores são considerados graves.

O mesmo procedimento de evacuação de prédios deu-se em Brasília, no Setor Comercial Sul; na região central de Belo Horizonte, igualmente, e no Paraná os reflexos foram sentidos Umuarama, Maringá e Cascavel. O Observatório Sismológico de San Calixto localiza o epicentro numa região de 300km a sudeste de Sucre.

 

Sobre o Autor

Marcio Silvio

Marcio Silvio

marciosilvio@qgnoticias.com

Check Page Rank