QG Notícias | Base segura de informação e conteúdo

PERIGO: Osasco entre as cidades com risco de infestação do Aedes

 Extra!
PERIGO: Osasco entre as cidades com risco de infestação do Aedes
dezembro 16
19:52 2018

O Ministério da Saúde divulga lista das 250 cidades paulistas que estão sob risco de infestação do Aedes aegypti; e na Grande São Paulo aparecem Cotia, Osasco e Itapevi na parte oeste, com Guarulhos do outro lado do mapa metropolitano.

Os dados mostram que Guarulhos fez uma campanha bem forte contra o mosquito, pois dos 391 casos de dengue em 2017 os registros mostram 85 neste ano; quanto ao chikungunya, foram 15 no ano passado e nove neste.

Reportagem da Folha de S. Paulo divulga que a prefeitura de Cotia mostra um gráfico de combate intenso, que em Osasco a prefeitura tem ações diárias nos domicílios e que em Itapevi o governo lacrou 2.600 caixas d´água com telas, além de 12 mil casas vistoriadas.

Informações municipais à parte, o fato é que o ranking do Aedes mostra-se implacável e Osasco, a maior cidade da região Oeste, é perigo real conforme o Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti.

Mas o Ministério da Saúde chama atenção para este período de fim de ano porque são várias cidades do litoral paulista com alto risco, caso de São Vicente e Iguape; Santos, Peruíbe, Itanhaém, Guarujá e Cubatão entram na grade de alerta como as cidades da Grande São Paulo; no litoral norte são Ubatuba, São Sebastião, Ilhabela e Caraguatatuba.

São Paulo registrou 9.181 casos de dengue até novembro passado; em 2017 foram 6.269 e isso aponta para aumento de quase 50 por cento.

Sobre o Autor

Marcio Silvio

Marcio Silvio

[email protected]

Artigos Relacionados

Facebook
Facebook
LinkedIn
Instagram