Algo deu errado com a conexão!

Ministério Público obriga demissão de comissionados na prefeitura de Osasco

Ministério Público obriga demissão de comissionados na prefeitura de Osasco
março 08
18:36 2018

O Ministério Público decidiu por obrigar o prefeito de Osasco, Rogério Lins,  a demitir todos os servidores comissionados nas secretarias Relações Institucionais, Esportes, Comunicação e Planejamento. A informação é que  a quantidade maior de exonerados é justamente da Secretaria de Comunicação. Um projeto que modifica essa situação está travado na Câmara Municipal. Informações dão conta que havia um prazo limite para as modificações e esse prazo venceu e coube ao MP determinar através da Justiça a exoneração de todos os servidores das secretarias envolvidas.

As quatro secretarias sofreram um processo do Ministério Público. O juiz de Osasco ordenou que fosse realizada uma reforma administrativa até o dia 28 de fevereiro, mas isso não aconteceu.

O projeto de lei da reforma administrativa elaborado pela prefeitura de Osasco foi encaminhado nesta quinta, 8, para apreciação da câmara municipal. Os funcionários exonerados poderão ser admitidos após a aprovação da casa de leis de Osasco e sancionado pelo executivo.

Ao todo ocupantes de 46 cargos de comissão foram exonerados. As exonerações serão publicadas na imprensa oficial de Osasco nesta sexta-feira, 9. (Com colaboração Robson Donizete – Correio Paulista)

Compartilhar

Sobre o Autor

Nilson Martins

Nilson Martins

nilsonmartins@qgnoticias.com

%d blogueiros gostam disto: