15.8 C
Osasco
21/05/2019
QG Notícias | Base segura de informação e conteúdo
Esporte Home

AUDAX CAMPEÃO! Primeiro título desde a mudança para Osasco em 2013

O Audax festeja o primeiro título desde a ida para Osasco em 2013. Vice-campeão paulista em 2016, após dois rebaixamentos seguidos sobe o primeiro degrau do retorno à elite como campeão da Série A3. O Audax era um um clube com sede na Capital quando foi comprado pelo Grêmio Esportivo Osasco. Três anos atrás surpreendeu no Paulistão ao chegar à final contra o Santos, mas nas duas temporadas seguintes entrou em queda livre até a Série A3 de agora.

Mas o time de Osasco fecha a conta na reabilitação, dá o primeiro passo em direção ao topo. Classificou-se à final da A3 e, por conseguinte, garantindo acesso à próxima Série A2. Indo à final contra o Atlético Monte Azul, na partida de ida ficou no empate por 2 a 2 no Rochdalão; e hoje de manhã em Monte Azul Paulista, meteu 2 a 0 no dono da casa.

O AMA bebe do mesmo fel que Velo Clube e Barretos. O primeiro foi o adversário das quartas de final e eliminado em casa pelos osasquenses; o segundo brigou nas semifinais e também caiu em casa. Confirmando a fama de carrasco em terreno alheio, eis o Audax matando o Monte Azul e para a festa do título.

Jogo franco desde o apito inicial no estádio Otacília Arroyo, chances criadas por ambas as partes e com o primeiro tempo entrando nos minutos finais. Então o Audax avança pela intermediária e Giovanni recebe pela meia-direita; ele toca sutil para Danrley Marreta que saçarica pela ponta e recua para a chegada do lateral Fábio que rola para Matheus Azevedo.

O camisa 15 para, faz pose para selfie, levanta a cabeça e dá um totozinho tipo chuá de basquete, sob medida justinha para o centroavante Marreta dominar na cara do gol e tocar rasteiro de direita, 1 a 0 aos 48 minutos, placar do 1º tempo.

O jogo segue naquela pegada e com o Monte Azul no desespero em busca do empate que daria o título. Acontece que o algoz Audax sabe tirar proveito disso e toca a bola até o momento de fechar a tampa: Giovanni pega contra-ataque ainda na linha de defesa, avança em velocidade e acha o 10 Marcondele livre e solto pedindo bola – o meia domina soberano, invade a área pela direita, deixa o goleiro sambando e manda sutil para o gol, 2 a 0 aos 46 minutos finais e um golaço. É Audax campeão!

Related posts

Rodrigo Janot é escolhido para continuar à frente da Procuradoria Geral da República

Marcio Silvio

Vereador solta a voz em homenagem a Zé Rico

Marcio Silvio

Barueri segue apagada e não disputa Jogos Regionais

Nilson Martins