QG Notícias

STJ autoriza quebra do sigilo telefônico de Sergio Cabral e governador Pezão

junho 03
22:00 2015

BRASÍLIA – O Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou nesta quarta-feira a quebra do sigilo telefônico do governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (PMDB), do ex-governador Sérgio Cabral (PMDB) e do ex-chefe da Casa Civil Regis Fichtner. Os três são investigados por suposto recebimento de dinheiro desviado da Petrobras. O STJ autorizou a devassa nas contas do governador, do ex-governador e do ex-secretário com base em pedido do Ministério Público Federal e da Polícia Federal.

Em um dos depoimentos da delação premiada, o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa disse que repassou R$ 30 milhões para o caixa dois da campanha eleitoral de Cabral em 2010. Ex-vice-governador de Cabral, Pezão teria sido um dos beneficiários dos repasses. Fichtner é acusado intermediar as negociações com Paulo Roberto. Quando o STJ decidiu abrir inquérito sobre o caso no início do ano, os três negaram que tenham cometido qualquer irregularidade.  (Portal Holanda)

Sobre o Autor

admin

admin