QG Notícias

Agora réu, cresce a pressão para Vaccari deixar executiva do PT

 Extra!
Agora réu, cresce a pressão para Vaccari deixar executiva do PT
março 23
21:35 2015

A Justiça Federal aceitou nesta segunda-feira (23) a denúncia do Ministério Público Federal (MPF) contra o tesoureiro do Partido dos Trabalhadores (PT), João Vaccari Neto, e contra o ex-diretor de Serviços da Petrobras Renato de Souza Duque. Ambos e mais 25 pessoas – também denunciadas pelo MPF – se tornaram réus diante da Justiça Federal sob a acusação de corrupção, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha.

Com isso, cresce no comando petista a pressão para que João Vaccari Neto deixe a tesouraria nacional do PT. A avaliação é que, enquanto ele estiver com cargo oficial no partido, só ampliará o desgaste da legenda, já que virou alvo da Operação Lava Jato. Mas, até o momento, Vaccari tem criado constrangimentos a dirigentes petistas ao insistir em ficar no cargo de tesoureiro. Na avaliação de um grupo influente do partido, Vaccari já perdeu o “timing”, até porque, se tivesse saído antes, evitaria essa situação embaraçosa para o PT.

“Na condição de réu, Vaccari não tem mais como ficar no partido. Primeiro porque já não consegue mais arrecadar nada. Segundo porque, na condição de réu, começa a sangrar o partido”, observou um integrante da Executiva, assutado com a permanência de Vaccari na tesouraria do PT.

Sobre o Autor

admin

admin