Senadores investigados sabatinam Rodrigo Janot hoje

agosto 26
12:15 2015

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, deve encontrar nesta quarta-feira, 26, um clima majoritariamente favorável à sua aprovação durante a sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado Federal. Embora 13 dos 81 senadores sejam investigados na Operação Lava Jato, parlamentares dizem acreditar que o senador Fernando Collor (PTB-AL) deverá ser uma voz “solitária” nas críticas a Janot.

A Polícia Legislativa deverá reforçar a segurança durante a sabatina. Um dos motivos é o tom beligerante que vem sendo adota por Collor contra Janot. Por isso, o sabatinado deverá ser acompanhado por até três policiais e dentro da sala que abriga a Comissão deverá haver outros quatro integrantes da Polícia Legislativa do Senado. “Ninguém sabe qual vai ser a reação dele (Collor). Vamos ficar atentos”, disse um integrante da Polícia Legislativa à reportagem.

Embora Collor não seja membro titular da CCJ do Senado, a presença dele é aguardada por parlamentares. Há ainda a possibilidade de o ex-presidente participar da votação de Janot na CCJ. Isso ocorrerá se um dos três senadores que compõem o bloco do qual Collor faz parte – Eduardo Amorim (PSC-SE), Marcelo Crivella (PRB-RJ) e Magno Malta (PR-ES) – se ausentar da sessão.

Sobre o Autor

admin

admin

CONTAGEM PARA 2018