PTB está de olho na sucessão de Geraldo Alckmin, ao governo de São Paulo, em 2018

dezembro 14
22:11 2015

Os Diretórios, Nacional e Estadual, do PTB, se preparam, não só para as eleições municipais de 2.016, como também já miram as eleições de 2.018, na sucessão do Governador Geraldo Alckmin, em São Paulo. Com absoluta unanimidade, e com base no crescimento do PTB, em todo o País, nas últimas eleições, a aposta vai ser feita na maior liderança petebista no Estado e, seguramente, uma das maiores do País, o Deputado Campos Machado. Para Campos, as eleições municipais de 2.016 vão ser de fundamental importância para o projeto de poder do Partido.

A estratégia do PTB, no Estado, está sendo elaborada para que, nas próximas eleições, o Partido possa, pela primeira vez, na história política do Estado, apresentar candidatura a Prefeito e a Vice em mais de 450 cidades. E, ainda, segundo Campos Machado, “o PTB vai estar presente em todos os demais municípios do Estado, o que nunca havia acontecido anteriormente”. Para o Líder Petebista, considerado pelo Ex-Lider do PTB no Senado Federal, Gim Argello, como “a maior liderança político-partidário do País”, o PTB não pode mais ser vagão, precisa ser locomotiva.

Sem confirmar, ou negar, a sua candidatura, embora seja esta a voz corrente, no Estado e no País, Campos tem afirmado, e reafirmado, que tem uma única candidatura, já definida por ele, que é a do Governador Geraldo Alckmin, para a Presidência em 2.018. “Já estou trabalhando, e muito, pela sua candidatura em São Paulo, onde sou Presidente, e em outros Estados, pela razão da função de Secretário Geral da Executiva Nacional. Não há outro nome melhor do que Geraldo Alckmin”, diz com muita convicção.

Sobre o Autor

admin

admin