Polícia prende suspeitos pela morte de bancário no Jardim das Flores

junho 18
16:07 2015

Investigadores do 8º Distrito Policial de Osasco prenderam dois homens acusados de envolvimento no assassinato de um gerente de Banco, durante tentativa de assalto, no dia 6 de junho, no Jardim das Flores, na Zona Sul. Um terceiro suspeito, de 19 anos, identificado como “Cadi” ainda está foragido. Ele teria efetuado o disparo que matou o bancário.  Segundo a polícia, um dos suspeitos foi localizado em uma comunidade de Carapicuíba. Ele não participou do crime, mas é integrante de bando que tem cinco membros. A gangue costuma roubar pedestre e fazer arrastões em comércios de bairro. Com a prisão dele, a polícia conseguiu chegar até o suspeito que pilotava a moto: um homem, de 24 anos, foi preso, no Conjunto Vitória, em Osasco.

Presa, a dupla foi levada à sede do 8º DP, onde a delegada Cristiane de Araújo Pires autuou o rapaz de 24 anos pelo crime de latrocínio – roubo seguido de morte. Já no caso do suspeito preso em Carapicuíba, a polícia registrou como captura de procurado, já que ele não participou deste crime. Ele tem outras passagens pela polícia por roubo.  No dia 6, o gerente esteve em Osasco, juntamente com a esposa, que está grávida de 8 meses, para visitar algumas maternidades. Em seguida, eles seguiram para um comércio em Osasco onde, por volta das 19 horas, o bancário e a esposa decidiram ir embora. Quando foram buscar o carro, perceberam que o veículo estava quebrado. Ele acionou um guincho, mas, como o socorro iria demorar, a esposa resolveu esperar na casa de um irmão, que fica próximo ao local do crime, na rua Papoula. O bancário falava ao celular quando os bandidos se aproximaram e anunciaram o assalto. Na sequência, foi ouvido um disparo. A polícia apura se a vítima reagiu ou se fez algum movimento brusco que resultou no tiro. A dupla fugiu levando o celular da vítima avaliado em pouco mais de R$ 1 mil. (As informações e texto são do jornal Diário da Região)

Sobre o Autor

admin

admin