SÉRIE B: Oeste Barueri tem só uma derrota em 7 jogos, mas não consegue chegar ao G4

 Extra!
SÉRIE B: Oeste Barueri tem só uma derrota em 7 jogos, mas não consegue chegar ao G4
junho 14
13:18 2017

São duas vitórias, quatro empates e uma derrota na série B do Campeonato Brasileiro. Nas sete rodadas, portanto, o Oeste Barueri faz uma campanha legal e vem mantendo invencibilidade desde a estreia. No entanto, apesar disso o Rubrão não consegue entrar na zona de classificação.

De empate em empate o time de Barueri está conseguindo se manter na linha intermediária e próxima do G4, mas ainda sem a pegada necessária para aquele arranque decisivo e matador.

Com mais um empate na conta, 1 a 1 com o Londrina, o time soma 10 pontos e cai para o 9º lugar na classificção. E por que o Oeste soma pontinho e não sobe na tabela? A resposta é elementar: porque os concorrentes diretos também somam pontos.

A última e única derrota do Rubrão foi na estreia da temporada, 2 a 0 para o Paysandu em 13 de maio. Portanto, o time barueriense conta um mês desde a ultima derrota.

Na 2ª rodada reabilitou-se em casa sobre o Criciúma por 1 a 0, empatando em seguida por 1 a 1 com o Boa Esporte; e na 4ª rodada fez 2 a 0 no CRB, jogo no dia 2 passado e que seria a última vitória do Rubrão.

Na sequência, empate com o Náutico por 1 a 1, depois resultado sem gols com o Luverdense e, ontem à noite no Estádio do Café, 1 a 1 com o Londrina.  A neblina pegou forte e mais um pouco não daria condições de jogo. Mas a bola rolou, partida equilibrada até o final e com o time da casa abrindo o placar.

Celsinho comanda ataque que chega ao lateral Ayrton em posição duvidosa no ataque, mas ele carrega a marcação e na dividida é derrubado pelo goleiro Rodolfo (acima). Penalidade marcada e Germano vai para a cobrança e vê a bola bater no pé da trave antes de entrar, 1 a 0 aos 24 minutos do 1º tempo.

Com a neblina tomando conta, outro pênalti para o Londrina e no começo do 2º tempo, dessa vez com Artur fazendo fila dentro da área rubronegra até ser derrubado. Celsinho na cobrança, mas para sorte do Rubrão ele manda para fora.

Isso motivou o Oeste, que passa  a cutucar em busca do resultado. Demorou, pois somente aos 42 minutos é que conseguiria furar o bloqueio paranaense: tem contragolpe que Mazinho recebe em velocidade para tocar na saída do goleiro César e partir para o abraço, 1 a 1.

Se o Oeste não está perdendo e somando pontinhos, então isso é bom, não é? Naturalmente, só que o time não está numa zona segura. Veja que o Luverdense abre a zona do rebaixamento em 17º lugar com 7 pontos, mas caso vença na próxima rodada vai para 10 pontos e já cola no Rubrão, se o time de Barueri tropeçar.

Por outro lado, o Oeste está a apenas dois pontos da zona de classificação, pois o Santa Cruz de Recife abre o G4 com 12 pontos em 4º lugar. Essa duas situações mostram que a equipe tem uma chuteira próxima do paraíso e outra não tão longe da boca do inferno.

8ª RODADA
sexta-feira, 16
19h15
Criciúma x Guarani
20h30
Ceará x Luverdense
Paraná x Figueirense
21h30
Goiás x ABC
sábado, 17
16h30
Santa Cruz x Internacional
Boa Esporte x Náutico
Paysandu x Juventude
CRB x Londrina
19h
Brasil x Vila Nova
21h
Oeste x América

ZONA DE CLASSIFICAÇÃO
1 Juventude/RS 17 pontos
2 Guarani 15
3 Vila Nova/GO 14
4 Santa Cruz/PE 12
ZONA INTERMEDIÁRIA
5 Internacional/RS 12
6 Goiás 11
7 Paysandu/PA 10
8 Ceará 10
9 Oeste 10
10 Paraná 9
11 Londrina 9
12 América/MG 9
13 ABC/RN 9
14 Figueirense/SC 8
15 Brasil/RS 8
16 CRB/AL 7
ZONA DE REBAIXAMENTO
17 Luverdense/MT 7
18 Criciúma/SC 5
19 Boa Esporte/MG 5
20 Nático/PE 2

Mazinho, mais uma vez decisivo.

Compartilhar

Sobre o Autor

Marcio Silvio

Marcio Silvio