Pensando na A3, Taboão muda comando técnico

setembro 09
19:11 2015

Sentindo forte a ameaça de morte na praia, a diretoria do Clube Atlético Taboão da Serra não titubeou e partiu para medidas emergenciais. Como o time precisa de resultado para se classificar, e como a campanha na 2ª fase da Segunda Divisão não é satisfatória, então o jeito foi mexer. Quem vinha mandando muito bem era o técnico Oliveira, só que na 2ª fase ele não vingou. E como o objetivo do Cats é o acesso à série A3 da 1ª divisão, o jeito foi demitir Oliveira para tentar a caminhada com outro treinador.

Assim foi apresentado o técnico Nei Silva, que vinha trabalhando na Segundona com o Olímpia. Ele ocupa o lugar de Oliveira que deixou o Taboão após 11 jogos, com seis vitórias, quatro empates e uma derrota. Ânderson Nóbrega é o presidente do Taboão da Serra, e explicou que para esse momento de decisão o time precisa de um treinador de mais pegada. “O Oliveira é um grande treinador, mas essa Segunda Divisão tem um jeito diferente”, comentou. “Optamos pelo Nei Silva porque ele tem essa vivência na competição.”

“Trouxemos o Nei pela experiência e para que nos mostre o caminho para darmos a volta por cima”, continuou o presidente. “Acreditamos que a experiência dele com a qualidade técnica do elenco pode fazer a diferença para buscarmos o acesso”, concluiu Ânderson Nóbrega. Taboão da Serra é 5º colocado no grupo 5 da 2ª fase, tem apenas 2 pontos em três jogos – são dois empates e uma derrota. Por isso que o técnico Oliveira caiu. O time não sabe o que é vencer nessa fase e está à beira da eliminação.

No momento, o Cats está a 5 pontos da zona de classificação. O Olímpia é o segundo colocado com 7 pontos, com São Carlos liderando com 9. A única saída é vencer, e na rodada que vem o desafio do novo treinador é justamente contra o segundo colocado e ex-time, o Olímpia, domingo agora e na casa do adversário. Quarta rodada da 2ª fase, jogo barra pesada para o Cats, mas que pode ser o ponto de reação em busca do acesso. A diretoria faz as contas e sabe que há chances reais para isso, já que Taboão tem mais sete rodadas na fase, ou seja, são 21 pontos em jogo. Na 1ª rodada da 2ª fase o time ficou no 0 a 0 com o Jabaquara, para outro empate na 2ª rodada, 1 a 1 com o Assisense; e na rodada anterior, encarou o São Carlos fora e tomou de 2 a 0. (Márcio Silvio)

NOTINHAS
– Nei Silva apresentou-se ontem de manhã no Cats, e é a segunda passagem dele por Taboão da Serra.
– é um técnico bem experiente mesmo, com bom trabalho em diversos clubes da Segundona e também da série A3 – e foi além, dirigindo o River Plate do Paraguai.

 

A derrota de 2 a 0 para o São Carlos forçou mexida no comando técnico.

A derrota de 2 a 0 para o São Carlos forçou mexida no comando técnico.

Sobre o Autor

admin

admin

CONTAGEM PARA 2018