Handebol de Osasco aposta em artilheira pela reabilitação

 Extra!
Abril 13
15:54 2015

Depois da pedreira Metodista, o handebol de Osasco pega Guarulhos amanhã. Mas atenção torcida, pois nada de jogo em casa ainda – Osasco continua atuando fora.

Na 2ª rodada do Super Paulistão Feminino, a equipe da região enfrenta o Fumguaru no ginásio Ponte Grande, às 18h. A estreia em casa, no ginásio da Fito, está marcada para 5 de maio contra Santo André.

A temporada de elite da Federação Paulista de Handebol começou justamente com Osasco em quadra, quinta-feira passada. Jogando no Baetão de São Bernardo, as meninas comandadas pela técnica Renata Hernandes encararam justamente uma das equipes mais poderosas do País, a Metodista.

Foi uma parada ingrata pra Osasco logo de cara, mas até que a equipe se comportou bem, principalmente no 1º tempo, com o time da casa na frente por uma diferença mínima, 11 a 10.

Mas a Metodista é mesmo um supertime e quando começou a mostrar um pouco do que pode, abriu o marcador. Não foi um placar tão elástico, mas a equipe do ABC jogou o suficiente pra fechar a vitória na estreia, 25 a 18.

Lembrando que o handebol de Osasco está de volta ao cenário paulista após 10 anos de afastamento. Além de se preocupar com a própria temporada, a técnica Hernandes ainda está em processo de estruturação da modalidade.

Diante do São Bernardo, as meninas osasquenses sentiram o confronto direto com um time já ajustado em todos os sentidos. A Metodista logo fez 4 a 0, no entanto, elas não se intimidaram e foram em busca do marcador, encostando perigosamente.

E conseguiram o empate e até comemoraram a virada. Até o final do 1º tempo o placar ficou sem dono, com o time da casa fechando a parcial com apenas um ponto à frente.

Foi um 1º tempo de ajustes, pois no complementar a Metodista tomou conta dos espaços e mostrou a respeitada velocidade nos contragolpes. No mais, soube tirar proveitos dos erros osasquenses, abrindo seis gols de diferença.

Mas atenção, torcedor, pois o time osasquense tem o que comemorar nessa derrota, pois a ferinha Ana Paula foi um dos destaques com 7 gols, dividindo a artilharia com a estreante da Metodista, Tainara Gonçalves.

Depois de Metodista 25 x 18 Osasco, o Super Paulistão de Handebol Feminino teve sequência com Jundiaí 23 x 22 Guarulhos, Pinheiros 28 x 22 Franca. Osasco volta a abrir a rodada de amanhã, às 18h contra Guarulhos, e às 20h tem Jundiaí x Pinheiros pela 2ª etapa. (Márcio Silvio)

 

13. Ana Paula

Ana Paula encarou a fortíssima marcação do São Bernardo e assinou 7 gols.

13. Renata Hernandes

Técnica Renata Hernandes elogiou muito o 1º tempo, e disse que na etapa final a equipe cometeu muitos erros diante de um adversário finalizador.

HANDEBOL FEMININO - METODISTA X OSASCO - SBC - 09/04/2015

Tainara é um dos talentos do handebol brasileiro, 7 gols no duelo, mas dividindo a artilharia com a osasquense Ana Paula.

 

CONTAGEM PARA 2018