Derrotas em série ameaçam 2º lugar da Coruja

setembro 03
23:47 2015

São quatro derrotas seguidas na Divisão Especial do Campeonato Paulista de Basquete. Osasco ainda não sabe o que é vencer no returno da 1ª fase, mas tem a favor a boa campanha nas três primeiras rodadas. Aquelas três vitórias são a âncora que sustentam a Coruja na vice-liderança do grupo A com 3 pontos.

Por outro lado, conforme vai perdendo em seguida, naturalmente que vê os concorrentes crescendo e chegando junto, caso do América de Rio Preto e de Franca, ambos também com 3 pontos e imediatamente na cola osasquense.

O que alivia a torcida é que nessa fase os quatro primeiros colocados se classificam – e são seis jogando no grupo A. No entanto, há um sinal de alerta, pois os dois últimos colocados não estão mortos: Winner de Limeira e Bauru contam 2 pontos cada, o que significa que estão na briga e com todas as condições de reagir.

Assim, considerando todo esse cenário do grupo A, a vice-liderança do Basquete Osasco não está fincada num terreno tão sólido – a dita âncora pode perder o fundamento caso a maré brava continue.

Ontem em Rio Preto, a Corujinha de Osasco perdeu por 6 pontos de diferença, 80 a 74 para o América, que cresce na classificação e se apresenta como rival direto para roubar a posição osasquense.

Naturalmente que só a vitória interessa para Osasco na próxima rodada. Não apenas por conta dos números, mas principalmente para o moral do grupo. Quatro derrotas em série desmotiva qualquer trabalho, e o técnico Enio Vecchi sabe muito bem disso. Mas não há moleza e não há tempo para ficar no lamento. Sábado a equipe volta ao jogo e em mais um confronto direto – dessa vez contra Franca, 4ª colocada com a mesma pontuação da Corujinha, 3 pontos. (Márcio Silvio)

NOTINHAS
– ontem em Rio Preto, Osasco saiu na frente fazendo 26 a 12 no 1º quarto, mas no 2º o time da casa reagiu e fez 20 a 11.
– portanto, o 1º tempo fechou com Osasco mandando no placar, 37 a 33.
– mas no 2º tempo o Américo debulhou geral com 22 a 16 e 26 a 21, totalizando os 80 a 74.
– Bennett foi o cestinha do jogo com 26 pontos para o América. “O jogo foi muito apertado. Saíram na frente, mas com muita força e conjunto conseguimos virar”, comemorou o técnico Júlio Malfi.
– o jogo foi no ginásio Cecconi e a torcida de Rio Preto não deixou barato, indo com tudo naquela pressão.

 

GRUPO A
ZONA DE CLASSIFICAÇÃO
1º Rio Claro 6 pontos (7 jogos)
2º Basquete Osasco 3 (7)
3º América de Rio Preto 3 (6 jogos)
4º Franca 3 (6)
FORA
5º Winner de Limeira 2 pontos (7 jogos)
6º Paschoal de Bauru 2 (5 jogos)

 

SÁBADO, 5
18h no Geodésico
Osasco x Franca

Sobre o Autor

admin

admin