Brasil perde a segunda seguida, enquanto Luizomar festeja os 3 a 1 do Peru na Argentina

 Extra!
Brasil perde a segunda seguida, enquanto Luizomar festeja os 3 a 1 do Peru na Argentina
julho 16
19:01 2017

Duas derrotas seguidas na etapa do Japão e a seleção brasileira entra no risco. Sinal de alerta após a surpreendente derrota para a Tailândia ontem, sendo que hoje a seleção caiu para a equipe anfitriã.

Jogo pegado e que foi para o tie-break. E olha que o Japão quebra tabu de 7 anos sem vitória sobre o Brasil. Placar final de 3 a 2 com 25 a 22, 26 a 24, 19 a 25, 20 a 25 e 17 a 15, festa japonesa e também de Shinnabe, maior pontuadora do jogo com 22 acertos, tendo logo atrás a companheira Koga, 21 pontos. Do lado brasileiro, a melhor mão foi a de Rosamaria com 19 acertos, sendo que Tandara, do Vôlei Nestlé, cravou 17 pontos.

O Brasil segue com 9 pontos e cai para o 7º lugar contando três vitórias e três derrotas. Uma campanha muito preocupante, diga-se. E agora? Agora vem a etapa daqui, em Cuiabá, com Brasil x Bélgica já no próximo dia 20. E não há outro placar que interessa senão a vitória, ainda mais que a seleção enfrenta a lanterna do grupo.

Nesse grupo 1 a classificação tem liderança da Sérvia com 15 pontos, depois vem Estados Unidos com 13, Holanda com 12, Itália e China com 10 pontos cada, fechando o top 5.

O Japão é o 6º colocado com 9 pontos, mesma pontuação do Brasil em 7º lugar. A Bélgica, adversária da seleção na etapa de Cuiabá, é a última colocada sem ponto algum.

LUIZOMAR DE MOURA E O PERU

Na Polônia e depois de duas derrotas dadas como esperadas, a seleção do Peru se reabilitou hoje em duelo sul-americano, 3 a 1 na Argentina com 25 a 18, 18 a 25, 25 a 23 e 25 a 19.

As derrotas para Polônia e Coreia do Sul não surpreenderam, pois a superioridade técnica dessas equipes é mais que notória. Portanto, Luizomar de Moura não questionou, não uivou e tratou de dar todo apoio às Matadoras porque sabia do pega que viria contra a Argentina.

Esse jogo sim, sem chorumelas. O técnico do Vôlei Nestlé e que comanda o Peru, cuidou de dar aquela motivação para as meninas buscarem a reabilitação; agora sim, a vitória está aí e dando aquele respiro legal.

Angela Leyva foi a pontuadora da vez com 21 acertos, seguida de perto pela companheira Jesseine Uceda com 20. Na Argentina, Mimi Sosa foi o destaque com 17 pontos, lembrando que a jogadora aparece na vitrine de transações de clubes como que já fechada com o Vôlei Nestlé.

Aliás, nesse jogo ela viu Maguilaura Frias do outro lado da rede, que igualmente também aparece como negociada com a equipe de Osasco.

No grupo 2 o Peru é o 6º colocado com 9 pontos e atrás de Bulgária 10 e República Checa 13; a Alemanha é a 3ª colocada com 14 pontos, então vem a Polônia em 2º com 15 e a líder Coreia com 16 pontos. Agora o Peru vai para a chave G2 do grupo 2 que será disputada em Richmond, Canadá, e no dia 21 estreia contra a República Checa.

 

 

Compartilhar

Sobre o Autor

Marcio Silvio

Marcio Silvio

CONTAGEM PARA 2018