QG Notícias

SEGURANÇA: Vizinhança Solidária pode ser tendência em Osasco

 Extra!
SEGURANÇA: Vizinhança Solidária pode ser tendência em Osasco
fevereiro 17
18:44 2017

Câmeras de vigilância são uma ferramenta vital para empresas, comércios, condomínios. Ações de bandidos são filmadas e até fazem sucesso nas redes sociais, como também cenas extremas de assassinatos e que são compartilhados mundialmente. Esse é o mapa da violência urbana. As câmeras cumprem com o programado, mas sem qualquer outra eficiência.

No entanto, nos últimos anos essa função passa a evoluir como arma importante de prevenção, pois não se trata mais de uma câmera isolada e apenas registrando por 24h. Desde 2013 está no ar o Vizinhança Solidária, projeto que concentra câmeras de vigilância de uma rua, por exemplo.

O sistema funciona em condomínios que ‘conversam’ entre si, medida tomada após séries de arrastões. Então foi projetado um software que interliga dezenas de câmeras, possibilitando uma visão panorâmica para as portarias dos condomínios. Em caso de alguma suspeita, o alerta é acionado.

Dos condomínios, a Vizinhança Solidária começa a ganhar conceito nas ruas e moradores conversam sobre essa tecnologia comunitária. No Jardim das Flores, zona Sul de Osasco, o sistema já está em operação em algumas vias, sendo que Presidente Altino pode ser o próximo bairro a aderir. Essa vigilância compartilhada reforça a atuação da Polícia Militar, da Polícia Civil e também da Guarda Civil.

Mas não basta instalar câmeras individuais em pontos estratégicos, pois é preciso uma outra tecnologia para integrá-las, e esse serviço está sendo bancado pelo Sistema Comunitário de Segurança. Mais informações no siscomseg.com.br, telefone 98972-9764.

Compartilhar

Sobre o Autor

Marcio Silvio

Marcio Silvio