Sabia? Empresa em Osasco tem usina solar no telhado que é a segunda maior do País

 Extra!
Sabia? Empresa em Osasco tem usina solar no telhado que é a segunda maior do País
julho 27
11:35 2017

A sede do Mercado Livre em Osasco tem 4.700m de telhado, sendo que grande parte da cobertura é solar. São 2.000 placas fotovoltaicas que fazem da instalação a segunda maior usina solar em telhado do Brasil, empreendimento de sustentabilidade que ano a ano ganha mais adesão industrial. No caso do Mercado Livre, o investimento gera até 700MWh/ano. Essa potência pode ficar melhor entendida quando comparada à energia doméstica: o que é gerado na empresa equivale ao consumo anual de 500 residências.

A usina solar de Osasco foi instalada pelo grupo italiano Enel em três meses. Lembrando que foram colocadas duas mil placas. Rafael Coelho é o gerente da Pratil, empresa da Enel e responsável pela obra no Brasil, e diz que o trabalho é mesmo rápido e limpo porque tudo é modular. Outro ponto que ele destaca é que a manutenção do sistema é igualmente tranquila porque não há componentes ou engrenagens que precisem de lubrificação. E como os painéis são inclinados, quando chove a própria natureza cuida de limpar as placas.

O mercado de energia solar vem crescendo não apenas nos setores industrial e comercial, mas também no residencial. Os dados de crescimento são apontados pela Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica.

Quanto ao Mercado Livre em Osasco, a megaempresa abriga até 2 mil funcionário e a obra inaugurada em agosto do ano passado foi inspirada em modelos como os do Google e do Facebook, para citar duas gigantes do mercado mundial.

A obra custou R$105 milhões, lembrando que trata-se de uma empresa argentina.. Com o telhado solar garantindo energia, o interior do Mercado Livre conta com 2.800 lâmpadas LED automatizadas, reforçando o conceito de sustentabilidade e gerando economia de 75%. Por fim, a usina solar em Osasco contribui com o meio ambiente porque as placas significam menos de 100 toneladas de CO2/ano na atmosfera.

Em maio último foi inaugurada a AquaRio e também com 2 mil placas fotovoltaicas, emparelhando com a empresa de Osasco. A AquaRio fica na Zona Portuária do Rio de Janeiro e o sistema lá tem a dimensão de um campo de futebol.

Em termos de economia e de geração de energia, os números do empreendimento no Rio são equivalentes aos do Mercado Livre. Agora, quem vence essas duas citadas é um supermercado em Goiânia – a Assaí Atacadista conta 2.800 placas solares numa área de 8.000m².

Mas o gigante da energia solar fica em Tubarão, Sul catarinense. É a usina Cidade Azul e que tem 10 hectares de área, sendo que 4,5 hectares são de painéis fotovoltaicos. No total, a usina conta 19.424 placas e que correspondem ao consumo anual de 2.500 casas.

A Cidade Azul foi inaugurada em agosto do ano passado. No entanto, o diferencial é que essa usina ocupa uma área não industrial e também não é cobertura – as placas ficam no chão. Assim, enquanto telhado o recorde segue com o Assaí de Goiânia, seguida pelo AquaRio e pelo Mercado Livre de Osasco.

Compartilhar

Sobre o Autor

Marcio Silvio

Marcio Silvio