JORGE LAPAS: Desafios e conquistas

dezembro 30
14:23 2015

Apesar das dificuldades que os municípios viveram em 2015, Osasco fecha o ano com motivos para comemorar. Apontada pelo IBGE como a 2ª economia do estado de São Paulo e a 9ª do Brasil, dado publicado há uma semana, a cidade deixou para trás municípios muito maiores como Guarulhos e Campinas, além de Salvador.

Há 11 anos, Osasco ocupava a 25ª posição no PIB brasileiro, o que revela um avanço de 1,5 posição a cada ano neste período. Neste ano Osasco também foi eleita a 4ª cidade em padrão de vida pela Agência de Risco Austin Rating, publicação realizada pela revista “Isto É” no mês de outubro.

Na área da saúde comemorou a conquista do menor índice de mortalidade infantil de sua história, com uma queda de 23% desde 2013, caindo de 13 para 10 mortos a cada mil nascidos vivos. Na educação outras vitórias importantes. O selo “Município Livre do Analfabetismo” conferido pelo Ministério da Educação, atesta que as políticas do setor estão na direção certa e colocaram a cidade em um grupo seleto no cenário nacional. Ainda na área, Osasco foi considerada “Nota A” no Índice de Efetividade da Gestão Municipal, segundo o Tribunal de Contas do Estado de São Paulo.

Como se vê, mesmo que possam ser muitos os problemas e desafios, são significativos os avanços desta cidade que completará 54 anos daqui a dois meses. Formada por gente batalhadora e empreendedora, que não se contentava em ser bairro esquecido da capital, Osasco lutou e conquistou sua autonomia, não se acomodando com a posição de figurante ou mesmo coadjuvante. Queria ser protagonista.

Embora suas melhores cabeças conhecessem seu potencial, certamente não imaginavam aonde aquela recém-emancipada cidade um dia chegaria. A região era carente de infraestrutura e dos serviços mais básicos, como água encanada e iluminação pública, mas formada por um parque industrial considerável e havia empregos. O problema principal era que os impostos aqui gerados não ficavam na região, mas eram aplicados bem longe daqui. O que havia de sobra eram desafios.

A cidade hoje comemora números e conquistas importantes, que revelam que a qualidade de vida da nossa população está melhor a cada dia. E é isso que dá sentido ao nosso trabalho. E se crescemos e nos tornamos o que somos hoje – um município destacado e respeitado em todo o país, é preciso lembrar e agradecer a todos que contribuíram e contribuem para isso. E nessa breve e bela história há protagonistas, coadjuvantes e, principalmente, muitos anônimos.

Parabéns a todos! Osasco não seria a mesma sem cada um de vocês. E que venha 2016 com seus novos desafios e também muitas vitórias pessoais e coletivas.

Jorge Lapas – Prefeito de Osascco

Sobre o Autor

admin

admin