Dia Mundial do Rock com papo cabeça em Osasco

julho 13
13:40 2015

Desde sábado vem rolando a Semana do Rock  na Concha Acústica da Fundação Instituto Tecnológico de Osasco, e que ontem ferveu com o atropelo do Made in Brazil fechando o pacote desse primeiro tempo da Semana do Rock, que segue.

Hoje é um dia especial para a nação do som pesado – Dia Mundial do Rock. Mas não tem sonzeira em Osasco, pois a data foi comemorada antecipadamente ontem. O lance na cidade é outro, um papo cabeça no Espaço Cultural Grande Otelo – workshop com Clemente Nascimento tratando do tema O Rock e o Novo Mercado Fonográfico – Novas Mídias e o Gerenciamento de Carreira.

É um ótimo momento para a moçada que pensa na estrada ou que já está nela, e sonhando com altos voos. No mundo do rock brasileiro, Clemente Nascimento é respeitado demais, tem programas em rádio e muito rock nas bandas Inocentes e Plebe Rude. Ele é dado como um dos pioneiros do punk rock no Brasil, está na estrada desde 1978 e faz o Filhos da Pátria na Kiss FM. O Espaço Cultural Grande Otelo fica na rua Dimitri Sensaud de Lavaud, 100, Vila Campesina, bem ao lado da prefeitura.

Quanto ao som na Concha Acústica da Fito, volta feroz sábado que vem a partir das 16h com Ana Cañas e Stkike, mas os organizadores anunciam uma surpresa fatal para o show das 18h30 – portões abertos às 14h. E também é bom já deixar anotado o que está reservado para domingo, 19, a partir das 11h: Baudelaire, Nuestro Odio, Occulta, Ministério da Discórdia, La Carne, Marrones, Bandanos, Troll, Kamboja e Centúrias. Lembrando que a prefeitura de Osasco está dando aquele suporte no evento realizado pela Amplitude Promotora e Studio

QUEM JÁ PASSOU NO PALCO
No sábado, a Semana do Rock começou com Hammerhead Blues, seguido por Hunger Strike, Haavoc, Azoo, Val Tomato, The Legados, Nigth of the Living Dudes, Matiilha, Marcião Pignatari & Os Takeus, fechando com o 365.
Ontem a paulada teve Quisera Eu, Five Dogs, Banda Child, Rygel Band, Unisicks, Subeclipse, Endigna, La Imigra, Hardstuff e Made in Brazil.

DIA MUNDIAL DO ROCK
Em 13 de julho de 1985 teve showzaços simultâneos em Londres e em Filadélfia (Inglaterra e Estados Unidos), com objetivo de chamar atenção à pobreza e à fome na Etiópia.

Foi um momento marcante com The Who, Status Quo, Led Zepellin, Dire Straits, Madonna, Queem, Joan Baez, David Bowie, BB King, Rooling Stones, Sting, Scorpions, U2, Paul McCartney, Phil Collins, Eric Clapton, Black Sabbath – só para citar alguns. Por conta desse peso todo, 13 de julho foi carimbado como o Dia Mundial do Rock. (Márcio Silvio)

Som volta a rolar feroz na Concha da Fito no próximo sábado.

Som volta a rolar feroz na Concha da Fito no próximo sábado.

Sobre o Autor

admin

admin