COMUNIDADE NELSON MANDELA: Desocupação está marcada para terça feira

junho 03
14:05 2015

A Comunidade Nelson Mandela tem até o dia 9 de junho (próxima terça feira) para desocupar voluntariamente área que está localizada na divisa de duas cidades; Osasco e Barueri. A deliberação judicial ocorreu em 9 de março deste ano quando do encontro do Grupo de Apoio às Ordens Judiciais de Reintegração de Posse (Gaorp), e foi presidida pelo juiz assessor da presidência do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) Kleber Leyser de Aquino no Palácio da Justiça. Daí saiu a determinação de reintegração de posse com prazo de 90 dias para o local ser desocupado pelas cinco mil famílias que lá se instalaram. Segundo a promotora de Justiça Fernanda Queiroz Karan Franco, laudos comprovam que há restrições ambientais, habitacionais e geológicas do terreno impossibilitando a fixação de residências no local e que a decisão judicial de reintegração de posse deve ser cumprida.

Uma situação muito preocupante num local localizado bem ao lado do Rodoanel. Nem precisa ser adivinho para saber que na próxima terça feira, haverá manifestações na rodovia com pneus sendo queimados, helicópteros da Polícia Militar, TVs, enfim uma verdadeira bagunça com congestionamentos imensos que trarão transtornos não só à região como em toda São Paulo. Por diversas vezes manifestantes cobraram atitudes dos vereadores e do prefeito de Osasco para uma solução ao problema que pode se transformar no mesmo episódio do Pinheirinho em São José dos Campos em 2012. Lá a truculência da PM correu o mundo pela imprensa internacional e tramitam doze processos na justiça. Como a área invadida é particular, não houve nenhum meio para que a prefeitura conseguisse interferir no processo de desocupação.  Ainda existe uma esperança de nova data ser anunciada e continuidade de negociações para uma solução sem violência. O espaço ocupado é de 200 mil m², onde foram erguidos cerca de 5 mil barracos desde fevereiro de 2014. A população atual chega a 15 mil pessoas.

Sobre o Autor

admin

admin

CONTAGEM PARA 2018